A última sextaFilosofal de 2017

A oferta de conteúdo nunca foi tão abundante para o ser humano. 

Hoje, com a facilidade da internet, existe muita gente séria que compartilha os segredos para o sucesso.

Mas o curioso mesmo é ver como esses “segredos” são coisas extremamente simples.

Durante todo esse ano, nas 50 edições da sextaFilosofal, compartilhei alguns desses “segredos” simples a você.

Coisas simples, como:

Unir o despertar da consciência ao desenvolvimento tecnológico.
Acorde, arrume sua cama, e lave a louça antes de dormir
Como contornar o vício em celular.
Aprender a aceitar o seu caminho.
Acreditar em algo maior do que você para não perder para o seu ego.
Como cuidar melhor do seu corpo.
Liberte-se dos maus hábitos.
Reprogramar o seu subconsciente para a facilidade.
Abraçar seus instintos.
Questionar a sua sexualidade.
Parar de buscar no Google a resposta pra tudo.
A diferença entre otimismo e realidade.
Como desenvolver Auto Liderança.
Usar a arte para atingir o estado de Flow.
Como usar a mente a serviço do coração.
Entender a Neurociência.
Como parar de sofrer e se abrir para a Abundância.
O “segredo” para dormir 4h por dia e produzir mais.
Como acessar seu potencial pleno.
Como colocar a sua mente em forma.
Entendendo a criação do Universo através da tecnologia.
Como esvaziar a sua mente para pensar claramente.
Como criar coragem a partir do medo [1] e [2].
Como aliar “Alta Performance” à “Gratidão”
Como “se curar” de emoções e pensamentos?

Não tem segredo.

Todo mundo sabe O QUE fazer.

Qualquer pessoa que você encontrar na rua vai te apontar na cara O QUE fazer.

Poucas pessoas no seu caminho terão a empatia e compaixão de te mostrar exatamente COMO fazer.

Fazer você descobrir POR QUE você não acorda de manhã com energia.

POR QUE você continua tomando Coca Cola ao invés de água.

POR QUE você confunde a gula com fome.

O QUE fazer é fácil entender.

Agora… COMO fazer é outra estória.

Muitos tratam o desenvolvimento pessoal e bons hábitos como a nossa medicina alopática: tome esse remédio, faça isso, faça aquilo, durma das 22 as 8, tome água com limão de manhã que “você ficará bem”.

“Me dê remédios, me dê “hacks”, me “dê” muletas para que eu possa não enxergar o que está acontecendo comigo.”

Para poder se superar e manter seus bons hábitos, você terá que aprender a enfrentar o que existe de pior dentro de você.

Cavar fundo no buraco do subconsciente para trazer todas as programações de traumas mal resolvidos à tona e com isso viver uma vida mais leve, simples e fluida.

Você vai ter que aprender a lidar com a sua energia interna.

Redescobrir o seu sistema perfeito de corpo e mente, esse SER humano que você habita.

Sim, vai ter dor.

Assim como vai ter alegria.

Vai ser uma experiência humana em toda a sua perfeição.

E é isso que fará você evoluir.

Isso sim, é hackear de verdade ;D


// te vejo em 2018 ;D

Essa é a 50a. edição da sexta filosofal em 2017.

50 semanas, sem intervalos, onde, com muita consistência, disciplina, e profundidade escrevi a você sobre os mais diversos assuntos: produtividade, auto conhecimento, futurismo, hábitos, “lifehacks”, espiritualidade, Yoga, ansiedade, depressão…..

Podem parecer assuntos diversos, mas todos tem o mesmo objetivo do Hack Life: como, em meio à tantas distrações e tanta informação, conseguimos prosperar frente à vida que vivemos.

Desinstalar programações de escassez que nos fazem viver na frequência baixíssima do medo para instalar novos princípios de abundância, e viver na frequência altíssima do amor.

Espero que esses textos tenham feito você “filosofar” tanto quanto me fizeram ao escrevê-los.

A refletir para aprender a acessar esse lugar dentro de nós que já possui todas as respostas que precisamos.

2017 é um ano que já começo a me despedir com uma alegria enorme.

Representa o ano em que evolui enquanto homem, enquanto ser humano, em virtudes, valores através de alegrias e tristezas.

Não por acaso, acredito que o mesmo aconteceu com você, não é mesmo?

Estamos todos conectados por uma rede “wi-fi” muito mais complexa do que a que distribui nossa internet.

A energia coletiva de dezembro nos convida a um retiro do mundo, para poder celebrar mais esse ano que passou, e receber um novo ano, um novo ciclo que começa a se manifestar a nossa frente.

É hora de dizer um até breve a você, para poder processar e digerir  o que aconteceu nesse ano maravilhoso e poder continuar com o trabalho de excelência, amor e serviço a você em 2018.

Disponibilizando o melhor conteúdo para que possamos seguir nossa evolução juntos!

É para isso que o Hack Life existe. Através da sextaFilosofal, do Hack Life Cast, de nossos cursos online, o propósito é fazer a cada dia você entender a diferença entre O QUE fazer, e COMO fazer.

É um prazer ter você conosco.

Seguimos juntos na jornada,

Renato


// frase para você filosofar

#pt
“Você pode enfrentar muitas derrotas, mas você não deve ser derrotado. Na verdade, pode ser necessário enfrentar as derrotas para que você possa saber quem você é, de onde você pode surgir, como você ainda pode sair dela.”
# Maya Angelou

#en
“You may encounter many defeats, but you must not be defeated. In fact, it may be necessary to encounter the defeats, so you can know who you are, what you can rise from, how you can still come out of it.”
# Maya Angelou