A semente e o fruto

“a semente e o fruto” é um conto budista que nos faz refletir sobre a natureza latente de cada coisa na natureza, e, por que não, sobre a natureza de cada ser humano.

desfrute ;D

Tal como é a causa, assim será o efeito.

Tal como é a semente, assim será o fruto.

Tal como é a ação, assim será o resultado.

No mesmo terreno um fazendeiro planta duas sementes: uma é a semente de cana de açúcar e a outra é uma semente da árvore neem: uma árvore tropical que é muito amarga.

Duas sementes na mesma terra, recebendo a mesma água, a mesma luz solar, o mesmo ar; a natureza dá o mesmo alimento a ambas.

Duas pequenas plantas brotam e começam a crescer.

E o que é que aconteceu à árvore neem?

Ela cresceu amarga em cada uma das suas fibras, enquanto a cana de açúcar tornou doce cada uma das suas fibras.

Por que a natureza ou, se preferir, por que Deus é tão bondoso com uma e tão cruel com a outra?

Não, não, a natureza nem é bondosa nem cruel.

Trabalha de acordo com leis fixas. Só ajuda a qualidade da semente a se manifestar.

Todo o alimento apenas ajuda a semente a revelar a qualidade que está latente em si própria.

A semente da cana de açúcar tem a propriedade de doçura; assim, a planta não terá nada além de doçura.

A semente da árvore neem tem a propriedade de ser amarga; a planta não terá nada além de amargura. Tal como a semente, assim será o fruto.

O fazendeiro vai à árvore neem, curva-se com reverência três vezes, caminha à sua volta 108 vezes e depois oferece flores, incenso, velas, fruta e doces.

Em seguida começa a rezar: “Ó Deus neem, por favor me dê mangas doces, eu quero mangas doces!”.

Pobre Deus neem, ele não as pode dar, ele não tem poder para fazer isso.

Se alguém deseja mangas doces, deve plantar uma semente de mangueira. Então, não precisará chorar nem pedir ajuda a ninguém. Os frutos que colherá serão somente mangas doces.

Tal como a semente, assim será o fruto.

A nossa dificuldade, a nossa ignorância, é que permanecemos desatentos enquanto plantamos sementes. Continuamos a semear sementes de neem mas, quando chega o tempo da colheita, ficamos subitamente alertas; queremos mangas doces.

E começamos a chorar, a rezar e a desejar mangas. Isso não funciona.

< para filosofar: >
em quais partes da sua vida você tem semeado neem (através do seu estilo de vida, pensamentos, atitude) e querendo colher cana de açúcar?

reflita ;D
< /para filosofar: >

o conto da sexta de hoje apareceu durante a leitura do livro Vipassana: a arte de viver.


// frase para você filosofar

#pt
“Abstenham-se de ações prejudiciais,
pratiquem ações salutares,
purifiquem a mente.
É este o ensinamento das pessoas iluminadas.”  

# Gotama, o Buda


// receba por email 📩 :


// quero +

< clique aqui para acessar nosso arquivo com todos os artigos />